MOTELX 2020 – Festival de terror em ano distópico

O ano é 2019.
Iam a festivais, concertos, cinemas, ou aos mais variadíssimos eventos, tinham viagens planeadas, jantaradas com amigos, e iam ao supermercado e ao café sem pensar minimamente no assunto.
Fast-forward para um futuro distópico…

O ano é 2020.
Mil coisas que pensavam que iam fazer, não fizeram. Mil coisas banais em que nunca pensaram, também mudaram. E para a frente ainda é incerto, e as interrogações sucedem-se…

– Será que este ano há MOTELX?
– Será que agora vai ser muito diferente, ou difícil?
– Será que Eu Vou ao MOTELX?

Motel X - A Usar máscara desde 2007

Deste lado, dou por mim frente ao Cinema São Jorge, a subir as escadas, a atravessar o foyer, a entrar na familiar sala… Sentamos-nos com a devida distância de segurança e máscara posta… E segue-se então a apresentação, o spot, os trailers, ou antes simples teasers mas que com sucesso nos submergem naquela cativante atmosfera de género – E voilá, como que por magia ou bruxedo as interrogações dão lugar a um inequivocável “Nem pensar que eu perco isto“. Se sentem que estão a viver uma distopia de um filme de género, nada melhor do que a distracção frente ao grande ecrã a ver horrores piores, não?

Para nosso conforto e segurança, a lotação será limitada, com lugares reservados e distanciamento dos mesmos, e com cuidados redobrados do Cinema São Jorge, incluindo a regular desinfecção das salas. Procurando compensar o corte na lotação e sessões mais espaçadas, o festival terá também dias extra, realizando-se este ano de 7 a 14 de Setembro (depois de 3 dias de eventos Warm-Up ao ar livre).

Sessão de apresentação do MotelX de 2020

Vamos ao que interessa?

A 14.ª Edição do Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa desafia um 2020 atípico com uma retrospectiva sobre o racismo e o cinema de terror, filmes de Pedro Costa, um número recorde de filmes realizados por mulheres e muitas propostas para 8 dias de catarse colectiva.

Com a programação completa naturalmente ainda por anunciar, a nova vaga de terror feminino marca as estreias da secção Serviço de Quarto, que mostra este ano um número recorde de filmes realizados por mulheres (5 por agora, entre 10). Desta primeira vaga, destaque para os catárticos “Relic” da australiana Natalie Erika James e “Saint Maud” da britânica Rose Glass, ambos com a doença mental como pano de fundo, e da selecção oficial do último Festival de Berlim teremos o argentino “The Intruder” de Natalia Meta e o germânico “The Trouble with Being Born” de Sandra Wollner.

Do contingente masculino sobressai claro o regresso do inclassificável Takashi Miike com “First Love”, uma louca mistura de drogas, sangue, gore, romance e humor negro e um regresso ao estilo hiperbólico que o tornou um favorito dos festivais. Mas destaca-se também o futuro filme de culto “Butt Boy”, uma comédia/ drama/ thriller acerca de temas que o título deixa antever.

Filme "First Love" MotelX de 2020
First Love

Como Retrospectiva teremos Pesadelo Americano: O Racismo e o Cinema de Terror, que nos traz 7 filmes cujo olhar crítico propõe um acerto de contas com a história tendo como tema principal a questão racial nos EUA, sendo que, ao contrário do que se poderia supor, neste género é possível acordar desse “pesadelo americano”. Do idealismo de “The Intruder” à análise crítica de “Ganja & Hess” e “White Dog”, ou da catarse de “The People Under the Stairs” e “Tales from the Hood” ao épico “Candyman” terminando no pragmático “Get Out”, todos eles são precursores cinematográficos do movimento Black Lives Matter.

No departamento Doc Terror, o primeiro título anunciado é “Scream, Queen! My Nightmare on Elm Street”, um documentário sobre Mark Patton e o seu papel enquanto primeiro Scream Queen masculino em “A Nightmare on Elm Street 2: Freddy’s Revenge”, hoje um clássico LGBT.

Filme "Scream, Queen! My Nightmare on Elm Street" MotelX de 2020
Scream, Queen! My Nightmare on Elm Street

A secção Quarto Perdido é este ano intitulada Pedro Costa – Filmar as Trevas, onde o galardoado realizador abordará em conversa a sua declarada afinidade com o universo do terror e do fantástico e serão exibidos os filmes “Ne Change Rien” (2009) e “Cavalo Dinheiro” (2014).

A secção Curtas Internacionais continua a trazer-nos propostas ricas e variadas em subgéneros tão distintos como sci-fi, filme de época ou sátira, contando este ano com 20 curtas. Já as Curtas Nacionais em competição para o Prémio MOTELX – Melhor Curta de Terror Portuguesa / Méliès d’Argent estão ainda por anunciar, tal como os filmes em competição para o Prémio Melhor Longa de Terror Europeia / Méliès d’Argent, entre muitas outras novidades.
E como o cinema de terror é sempre palco de liberdade e risco, teremos pela primeira vez um programa de Curtas Experimentais, dedicado a narrativas alternativas que usam técnicas revolucionárias para criar novas linguagens e pesadelos transcendentais.

Por fim, ou melhor dizendo, para iniciar, não esqueçamos o Warm-Up, que volta a concretizar encontros artísticos improváveis e únicos no fim de semana que antecede o Festival, reunindo grandes nomes da cultura portuguesa em três eventos gratuitos e ao ar livre:

A 3 de Setembro, às 21:30 o Convento de São Pedro de Alcântara acolhe “A Mulher-Sem-Cabeça”, uma performance/ concerto a partir de um texto de Gonçalo M. Tavares com ilustrações ao vivo de António Jorge Gonçalves e voz do MC Papillon. Na noite seguinte, também às 21:30, o Espaço Brotéria é palco de um jantar encenado a partir de um texto de Fernando Pessoa praticamente desconhecido do grande público: “Um Jantar Muito Original” (do semi-heterónimo Alexander Search), um projecto que recria o lado mais negro de Pessoa e que conta com supervisão artística de Albano Jerónimo. Por fim, dia 5 traz a aguardada sessão de cinema ao ar livre às 21:30 no Largo Trindade Coelho, com filme The Host do oscarizado Bong Joon-ho.

Sessão de cinema ao ar livre MotelX

Podem saber mais sobre cada secção seguindo os links presentes no texto, ou verificar todos os filmes já anunciados aqui.

Aguardem mais novidades dentro de um mês!


MOTELX | 7 a 14 de Setembro | Cinema São Jorge | Programa | Bilhetes


Recebe todas as novidades de Lisboa no e-mail, subscreve a Newsletter!

Segue-nos também no FacebookTwitter ou o Instagram.

Facebook Comments